segunda-feira, 20 de abril de 2009

Batata, a essa hora?

_MG_7897

_MG_7904

_MG_7898
foto: Rafael Medina

"papa

e no patata,
no naciste castellana:
eres oscura
como
nuestra piel,
somos americanos,
papa,
somos indios." (Pablo Neruda, Ode à Batata)

Alimento que agrada a todos, a batata começou a ser utilizada pelo homem cerca de 7000 anos atrás, no Peru. Desde então, incorporou-se ao nosso cardápio de uma forma definitiva: são milhares de pratos que se pode fazer com ela, em infinitas combinações.

Esse da foto, Barquinhos de Batata e Ricota é um daqueles saborosos e saudáveis e pode funcionar como um jantar leve (com salada verde) ou como acompanhamento para carnes. Se quiser, substitua a ricota por queijo gorgonzola. O sabor vai ficar mais pronunciado e a batata vai complementá-lo divinamente. Você também pode regar os barquinhos com um molho de tomates.

Barquinhos de Batata e Ricota
Ingredientes:
4 batatas médias;
300 g de ricota;
iogurte natural desnatado suficiente para dar uma consistência cremosa à ricota;
3 colheres bem cheias de queijo parmesão ralado na hora;
oréganos a gosto;
um fio de azeite;
sal e pimenta do reino moída na hora a gosto.

Modo de Fazer:
Corte as batatas ao comprido em duas metades (com a casca e tudo). Coloque todas as metades com as cascas viradas para baixo num tabuleiro untado com azeite e leve-as para assar. Depois de cozidas, retire um pouco a polpa das batatas, formando barquinhos. Misture essa polpa com a ricota, o iogurte, o queijo parmesão, o orégano, azeite, sal e pimenta até conseguir um purê cremoso. Encha os barquinhos com este purê e leve ao forno até gratinar.

E quer mais batatas? Então veja esse vídeo aí com a Dee Dee Sharp cantando Mashed Potato Time. Pra quem não sabe, mashed potato é o nome de uma dança que rolava nos anos 60. Dee Dee Sharp arrasa nesse vídeo mas, pra mim, quem rouba o show são as duas meninas dançando atrás dela.